There is always more then meets the eye!

20
Abr 08
Quando é que tarde se tornou demasiado tarde?

Estaria eu a sonhar acordada, a sorrir feliz da vida num dia cinzento para todos e que aos meus olhos estava solarengo e deliciosamente quente e preguiçoso?!
Um daqueles dias em que as mangas da camisa branca me saiam desabotoadas das mangas do casaco e o sorriso teimava em estar tatuado na minha cara sem nenhuma estúpida razão?
Terá sido num desses momentos em que nada me assustava e o vida me parecia tão eterna que a palavra morte parecia algo dito por um intelectual e que ninguém percebe... terá sido num desses momentos que o mundo “girou ao contrario” no seu eixo que o tardar em tomar certas decisões, permitir aproximações, abandonar situações e terminar relações ocorreu a mudança de o “para mais tarde”, “tarde” se modificou e se tornou “tarde demais”?!
Nunca tal me passou pela cabeça...Para mim um pedido de desculpas nunca veio tarde, nunca percebi a presunção de o não explicar JÁ, imediatamente de imediato impossibilitar uma reconciliação ou um entendimento... Terei eu batido com a cabeça quando era pequenina?
Quando se deseja algo “tarde” nunca é demasiado tarde, não é impossível... o tarde da minoria é só uma forma de viver, diferente, das massas de pessoas que fazem tudo igual...
Tarde, pode ser o meio do dia, aquele pedaço de dia que antecede o lusco-fusco e que dá lugar à noite, em que os cinemas abrem, os restaurantes estão abertos, os entretenimentos abrem ao público... Como pode ser então  tarde demasiado tarde?!
publicado por crowe às 21:06
música: one republic, Nickelback

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Porque sim!

subscrever feeds
links
as minhas fotos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO