There is always more then meets the eye!

23
Ago 04

Só sei que o que sei é pouco

 Que o que sei não me chega para nada.

 (Só sei) que acordo todas as madrugadas

 na esperança de já ser dia e tudo o que encontro

 é ainda uma noite velada.

 

Só sei que vou errante pela rua,

com a alma nua e não encontro nada!

 Sinto os toques, os olhares, os murmúrios e as carícias

 Só sei que, a mim, não me tocam e não dizem nada!

 

 Só sei que se eu fosse lua fazia uma noite.

 Uma noite longa e escura onde ninguém visse nada

 Onde o silêncio fosse o barulho baixinho

 Que nos toca como carícias nesta noite velada.

 Só sei que por estes caminhos vou andando

 De peito aberto, alma nua... e sabendo: nada!

 Só sei que tenho esperanças de uma madrugada

 Acordar e já ser dia e eu poder dizer

 Adeus ao nada!

 

@ publicado também no Blog: http://cantodomaster.blogs.sapo.pt

publicado por crowe às 18:12
tags:

Ja comentei no master heheheeh mas n deixo de dizer é lindoooooPasso
</a>
(mailto:Passodianisto@hotmail.com)
Anónimo a 23 de Setembro de 2004 às 09:27

Adorei ... faz-me pensar ... em muitas coisas ...! Beijo grandeLa Luna
</a>
(mailto:a_ezequiel@iol.pt)
Anónimo a 27 de Agosto de 2004 às 23:12

Agosto 2004
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

16
17
18
20

22
25
26
27
28

29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Porque sim!

links
as minhas fotos