There is always more then meets the eye!

28
Set 04
200021278-001.jpg

De uma janela
Vejo o mundo mascarar-se de branco.

As nuvens crescem e expandem-se
Elas misturam-se com o céu
E o céu com a terra
Como numa aguarela!

Um branco frio,
Cai em flocos com candura
Beija o ar
E esmorece na palma de uma mão
Pequena! Mão quente de criança!

O Inverno
Visita-me e aloja-se na minha janela!
publicado por crowe às 13:31

Crowe, cadê os posts. Então, que se passa ? Não tens tido motivação, ou quê ? Ósculos.Mentis
(http://casual.blogs.sapo.pt)
(mailto:amiljitsu@sapo.pt)
Anónimo a 30 de Setembro de 2004 às 17:10

Apesar de eu não ser - nem de longe nem de perto - fã do Inverno tenho de dizer que o poema é lindo... Numa coisa estamos de acordo... o Inverno aloja-se nas janelas... ;-) não há nada mais bonito que a neve e o gelo pendurados nos parapeitos depois de uma noite de nevão... é lindo! beijosElsa
(http://)
(mailto:elsa_aguiar2001@sapo.pt)
Anónimo a 30 de Setembro de 2004 às 01:33

Lindo ... coral
</a>
(mailto:coral2@sapo.pt)
Anónimo a 29 de Setembro de 2004 às 12:58

«... O Inverno visita-me e aloja-se na minha janela!», bom e na minha alma alojou-se o teu poema...muito bonito crowe.

O teu Blog está a ficar uma «delicía»..

beijosazulinha...
</a>
(mailto:plumacaprichosa@hotmail.com)
Anónimo a 29 de Setembro de 2004 às 11:57

Crowe, minha dôce ave de rapina [...] adoro-te. Continuas nos meandros dos louvores e elogios ao trabalho que outros desenvolvem, o que nem sempre é visto por esse meio fora. É obra. Adoro-te. Ósculos profundos e lânguidos para ti, minha linda.Mentis
(http://casual.blogs.sapo.pt)
(mailto:amiljitsu@sapo.pt)
Anónimo a 29 de Setembro de 2004 às 11:44

Ate arrepiei, n sei se do frio se do poema :-) nc mais xega o dito p nos aninharmos ( salvo seja atencao hehehe) junto a lareira e deixar-mos a mente passear livremente lá por fora :-)) beijosPasso
</a>
(mailto:Passodianisto@hotmail.com)
Anónimo a 29 de Setembro de 2004 às 09:36

igara, welcome to my nest!
Mentis, não estás em falta e já passei pelo teu canto... Obrigada pela candura e pelo frenesim de palavras! Espero-te sempre por cá!Crowe
</a>
(mailto:the_crowe_nest@hotmail.com)
Anónimo a 28 de Setembro de 2004 às 23:45

Lindo, como sempre nos habituaste. Estou em falta contigo, não? Se não, ainda bem. Aquela da lata que me enviaste por mail não conhecia ainda, pois não se trata da marca que consumo. Tenho novidades. Ósculos excitantes como nunca.Mentis
(http://casual.blogs.sapo.pt)
(mailto:amiljitsu@sapo.pt)
Anónimo a 28 de Setembro de 2004 às 19:52

Crowe...quase consigo ver, da tua janela, a chegada do Inverno!!!igara
</a>
(mailto:igara@sapo.pt)
Anónimo a 28 de Setembro de 2004 às 16:55

Crowe...quase consigo ver, da tua janela, a chegada do Inverno!!!igara
</a>
(mailto:igara@sapo.pt)
Anónimo a 28 de Setembro de 2004 às 16:50

Setembro 2004
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

13

19
20
21
25

26
29


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Porque sim!

links
as minhas fotos