There is always more then meets the eye!

06
Jan 05
Quando todos os cheiros me levam a ti as minhas pernas entrelaçam-se nas tuas Como raízes profundas de árvores Os meus braços só conhecem o calor e o ondular dos teus… Como te posso esquecer numa noite…? Como te posso esquecer numa madrugada, … manhã, … tarde? Que diferença estar frio ou calor? Ser Verão ou Inverno? O meu rio fica preso numa barragem e tu não a és … não estás aqui! (pode tambem ser lido em : http://poiesis.blogs.sapo.pt)
publicado por crowe às 21:35
tags:

:-) ta mt nito nina ... será q n se deve deixar o rio correr :s bjsPasso
</a>
(mailto:Passodianisto@hotmail.com)
Anónimo a 10 de Janeiro de 2005 às 08:41

É lindo, sem dúvida, mas porque não levamos mais a sério toda esta linguagem e partimos todos, mas mesmo todos para a ignorância no mundo real?
Será que tudo o que é belo nos está interdito por mais de X tempo?
Ósculos e inté.Espectro #999
(http://visoes.weblog.com.pt)
(mailto:amiljitsu@sapo.pt)
Anónimo a 8 de Janeiro de 2005 às 19:51

Adorei. Beijos.Lobaaaaaaaaaaaaaaa
</a>
(mailto:celiasousa@msn.com)
Anónimo a 7 de Janeiro de 2005 às 22:53

Olá
Se gosta de Futebol, visite o Blog:
http://bloghattrick.blogs.sapo.pt/Alex
</a>
(mailto:Anubis36@hotmail.com)
Anónimo a 7 de Janeiro de 2005 às 14:55

Crowe, Crowe, Crowe...Gosto tanto de "te" lêr, beijo na pena.bliblibli
</a>
(mailto:bliblibli@sapo.pt)
Anónimo a 7 de Janeiro de 2005 às 09:26

Janeiro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
13
14

18
19
21
22

24
25
26
27
29

31


Porque sim!

links
as minhas fotos