There is always more then meets the eye!

24
Mar 05
I’m going to the city of lights… Here’s a little something for you to remember me by… Today I dreamed of a rainy day Rain was pouring down from a grey sky It was little pieces of paper With hearts and smiles Floating down from that heavy, grey sky Today I dreamed Of rainy days like this Where kisses and smiles were pouring down from the skies I smiled, and laugh, and wonder Would it be lovely to receive blessings like love From the ones we care Pouring down the big grey skies? Feel a smile from a smiley touching our faces When the sky is dark and life is heavy Is there anything nicer than seeing blue and light when the Skye is heavy and we feel unwanted… unlinked? Wouldn’t it be nice to receive love in little pieces of paper from somewhere we don’t know where our why? @ Para se lembrarem de mim durante o tempo dos ovinhos de chocolate...
publicado por crowe às 22:18

21
Mar 05
Stay… Today the pain hurts so much It hurts so… that the pain hurts the pain! Stay a little longer… Try and keep the pain away! At least today… Stay… stay with me… Please hold me and say… everything is ok! Say: the pain is no more! Please stay… Make me forget Make me smile! Tell me it’s ok… Stay… I can’t stand being alone with this It hurts so… Don’t go! Take me in your harms… And stay! Just a little Just a day… Stay forever and I’ll hide the pain!
publicado por crowe às 18:17

17
Mar 05
200069200-001.jpg Encontremo-nos no nosso recanto privado Cheio de luz do sol (Ensolarado)… Tiro-te a roupa sem pressa Retiras-me a minha devagar (Desnudos!) Deixando-a deslizar até ao chão Acaricia-me com mãos quentes E sentes… O rasto de fogo que deixas Impresso na minha pele. Em ti desenho mapas de impressões digitais Com requintes de artista No teu corpo reinvento-me No meu corpo reencontras-te No nosso recanto privado O sol desenha-nos A paixão invade-nos… O silêncio embala-nos As chamas ardem em vermelho vivo Tu tocas-me Eu beijo-te As cores apagam-se O silêncio cala-se!
publicado por crowe às 20:23
tags:

16
Mar 05
Na negritude da tua pele Imprimo o meu mapa Que o sol seca e nenhuma rosa dos ventos orienta O teu corpo é oceano de chocolate com canela Que ondula suavemente sobre o meu Me enrola, envolve, dissolve Quente Doce Meigo! Suavidade escura, espessa, densa …dá calor! Provoca arrepios! Pedaço de doçura e prazer Que se molda e flui em mim como uma capa Beijos espessos Toques suaves Ondulantes como as ondas Sussurros como ondas que se perdem na areia! O corpo de chocolate envolve o meu O teu mapa cobre-me em doçura A tua boca abarca a minha Em enlevo… requintes prazenteiros De desejo e ternura!
publicado por crowe às 23:56
tags:

13
Mar 05
Em mil formas inventadas Em mil gritos Em mil lamentos Não consegui encontrar um que explicasse Aquilo que vejo, aquilo que sinto... Aquilo que sou! Fiquei em mil tormentos Por ser quem sou!
publicado por crowe às 21:50
tags:

Hoje, procurei-te: Não estavas!
Hoje, liguei-te: não atendias!
Hoje acordei estremunhada
Estendi a mão: o teu calor faltava!
Hoje, os lençóis não estavam amarrotados!
Não te tinham… não tinham sequer cheiros a ti!
Hoje, vagueei pelas ruas em busca de um som: não o ouvi!
Ouvi sons mas nenhum o teu!
Hoje, sentei-me no muro do miradouro em ânsias e tremores…
Ânsias de que me escutasses
Me procurasses
Me visses…!
Me abraçasses!

Hoje não estavas!
Bati à tua porta e ninguém respondeu…
Hoje, senti-me desabrigada!
Hoje, ontem, amanhã precisei de ti!
Onde estavas?
publicado por crowe às 21:39

11
Mar 05
Pudera eu emprestar-te Os meus olhos para por eles chorares... Pudera eu chorar as tristezas E a saudade que tens. Devolver-te o sorriso e apagar-te a mágoa. Pudera eu devolver-te o que te foi roubado pelo ladrão que mais desprezo: o Tempo! Um tempo sem conceito de vida que nos leva o que amamos entre uma badalada e outra. Mas ao tempo não interessam dores ou sentimentos. Ao tempo interessa o tempo A mim, interessa-me aplacar-te a dor... A mim, interessa-me usar o meu desprezível ladrão para te fazer sorrir. @(Perspectivem a vida como ela é... O tempo não vos pergunta se querem voltar a trás e ficar mais um bocadinho)
publicado por crowe às 09:14
tags:

10
Mar 05
Como uma música que ouves e não toca Um perfume que se cheira de uma flor por abrir És... assim... um mistério profundo... Sob a superfície de um lago! Um sorriso que adoras ver chegar e deixa saudade ao partir. Como um doce atrás da vidraça de uma linda montra Intocável e tão...tão desejável! Ser o que é intelígivel, intocável Incompreensível... quase...quase Invisivel Porque estás sempre... mesmo quando não estás... Porque sentes e sentimos sempre aquilo que não pedimos Como uma flor por abrir Um dia de luz quando o sol não nasceu Assim és tu... Indecifrável!
publicado por crowe às 21:43
tags:

05
Mar 05
Love, love is a verb Love is a doing word Feather's on my breath Gentle impulsion Shakes me makes me lighter Feather's on my breath Teardrop on the fire Feather's on my breath Nine night of matter Black flowers blossom Feather's on my breath Black flowers blossom Feather's on my breath Teardrop on the fire Feather's on my breath Water is my eye Most faithful mirror Feather's on my breath Teardrop on the fire of a confession Feather's on my breath Most faithful mirror Feather's on my breath Teardrop on the fire Feather's on my breath You're stumbling in the dark You're stumbling in the dark massive_atack_mezanine.jpg @uma das minhas músicas preferidas... enjoy it!
publicado por crowe às 17:13
tags:

I’m no men’s army

I wish: Peace

I dream: Love

I can’t take it no more

I bruise easily…

 

Be gentle…

When you handle me

I bruise easily…

I’m no mans army…

Don’t treat me as a weapon of mass destruction

I only fire when fire upon…

 

A minha força é a minha fraqueza

A minha alegria é a minha tristeza!

Começo agora a dar passos de bebé,

Pequeninos neste campo de batalha

(Vida)!

Be gentle handling me…

Me, I’m, black

 Because I bruise

So easily

publicado por crowe às 09:29
tags:

Março 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

14
15
18
19

20
22
23
25
26

27
28
29
30
31


Porque sim!

links
as minhas fotos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO