There is always more then meets the eye!

11
Mai 05

@Hoje alguém me pediu que escrevesse sobre alguém que ambas conhecemos... aqui fica o agradecimento pela ajuda prestada amiga(o trabalho só dá trabalho!!!!)... não é a definição que me pediste mas... é o que vejo dela!

Dir-te-ei em pedaços pequeninos

Para que oiças a minha voz

 Adocicada e aquecida para ti!

 Na minha cabeça existe

Só este pedaço de realidade

 Real para mim… imperceptível para ti!

 Olhos de vidro… Lagos impenetráveis

 Profundos e amáveis!

Queria mostrar-te o mundo com os teus olhos!

 Abraçar-te com a tua força!

Num abraço, podes ser só tu

 Pequenina como és (grande como não conheço ninguém) e…eu…posso ser só eu!

 Nem sempre as paredes de gelo podem ser intransponíveis

 Um leve sopro pode roubar-te a frieza e instalar-te um sorriso

 Sorri hoje e ouve-me com atenção!

 Prometo que não digo a ninguém que apanhei por ti os socos que a vida te guardou para este dia…

 ergui os punhos e lutei por ti!

 Prometo que não conto a ninguém,

Que baixaste a guarda e sorriste abertamente!

 Nem sempre a tua força aguenta… Sossega… descansa…

Hoje estou aqui a ser forte por ti

Acalma-te e sorri com olhos de vidro…

Espelha-nos em ti…com magia intransponível, Intrigante, inigualável…

intimidante na maneira de ser

Com sorrisos tão meigos e promessas tão doces sem saberes!

Embala-te num abraço porque eu estou

 Embrenhada em aplacar-te o cansaço que não acusas

 A dor que não revelas…

 primeiras82803.jpg

publicado por crowe às 23:38
tags:

Este fica decididamente bem na edição de autor! O pior vai ser escolher, Drª! :)fdarkeyes
</a>
(mailto:fdarkeyes@sapo.pt)
Anónimo a 18 de Maio de 2005 às 17:43

•∇• Dir-te-ei em pedaços pequeninos •∇•

   • Sei que terás dentro de ti   • algo que também os remove   • para compreender aquilo que ora leioterei de ir ver a Dama do Deserto.

Beijocas e inté.Espectro #999
(http://visoes.weblog.com.pt)
(mailto:amiljitsu@sapo.pt)
Anónimo a 17 de Maio de 2005 às 20:18

Olá, Crowe [...] já fazia muito tempo que não te visitava como Absconditum Mentis. E bendita a hora que o fiz, porque o que li é muito bonito.
Ósculos.Absconditum Mentis
(http://absconditummentis.blogs.sapo.pt)
(mailto:amiljitsu@sapo.pt)
Anónimo a 17 de Maio de 2005 às 18:17

Vim agradecer a tua visita lá pelo meu cantinho e conhecer o teu espaço.Gostei muito do que por aqui li.Boa semana.Art Of Love
(http://bizaazul.blogspot.com)
(mailto:bizaazul@iol.pt)
Anónimo a 15 de Maio de 2005 às 19:09

é bom quando se pede alguma coisa...e se tentacarlos barros
(http://republicadospessegos.blogspot.com)
(mailto:carlosberros@hotmail.com)
Anónimo a 13 de Maio de 2005 às 23:28

Amigas como tu são raras :-)) quem as tem q as guarde e estime com mt carinho .. adorei .. beijosPasso
</a>
(mailto:Passodianisto@hotmail.com)
Anónimo a 12 de Maio de 2005 às 11:00

Já tinha saudades de ler algo teu com calma :))) muito bonito beijopluma
</a>
(mailto:plumacaprichosa@hotmail.com)
Anónimo a 12 de Maio de 2005 às 10:54

Maio 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
26
27
28

29
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Porque sim!

links
as minhas fotos